FARMACÊUTICOS

QUE PERSPETIVAS PARA O FUTURO?PHARMACEVTICA 74

  • Congresso aefful 2019

    “Um Congresso que, sem dúvidas, elevou a fasquia para todos os Congressos futuramente realizados” 

  • farmo de inverno

    “A Farmo mais aterradora de sempre!”

  • I GALA FARMACÊUTICA

    “As escadas deste edifício foram o palco do desfile dos mais belos vestidos e dos fatos mais galantes, onde se puderam eternizar memórias de um momento tão especial”

 

O VEREDICTO

O Veredicto é assim um dos maiores exemplos de dedicação e talento do Núcleo de Teatro da AEFFUL, deixandoqualquer pessoa fascinada com a sua constante evolução e empenho”.

Entre 2 e 18 de dezembro, o Núcleo de Teatro Tubo de Ensaios encenou a sua peça mais recente: O Veredicto, uma trama que começa com João a ser julgado em tribunal, e que possui dois caminhos diferentes: onde João é considerado “Inocente” ou “Culpado”. Esta peça contou também com a decisão do público, uma vez que foi este que decidiu como a trama acabava, dentro dos 4 finais possíveis. Para além disto, foi uma atuação bastante dinâmica que serviu-se de múltiplas mudanças de cenário, ao longo dos diversos locais da FFUL.

 

 

LAMOS

 

  

 

 

 


 

MOVIMENTO CAMPUS SEGURO

 

“A falta de segurança no Campus da Universidade de Lisboa (…) tem sido um enorme motivo de preocupação na comunidade estudantil”

São várias as soluções para a resolução desta problemática que uniu toda a comunidade. Em simulação à iluminação e honra ao falecido estudante universitário, fez-se luz dia 14 de janeiro pelas 18:30h.

 

ENTREVISTA

Na 74ª Edição da Pharmacevtica, o Núcleo Redatorial da Pharmacevtica entrevistou o Professor Doutor Bruno Sepodes, Professor do Departamento de Ciências Farmacológicas e membro do Conselho Pedagógico e do Conselho de Escola da Faculdade de Farmácia da Universidade de Lisboa. O Professor da nossa casa, conta com uma larga experiência profissional, atualmente integra a Comissão de Avaliação de Medicamentos do INFARMED, e é o representante de Portugal no Comité de Medicamentos para Uso Humano na Agência Europeia do Medicamento (EMA), tendo sido eleito Vice-Presidente do mesmo em 2018.

 

“É importante ter orgulho na Profissão, dar o nosso melhor constantemente, mas ter a humildade de saber que não somos imprescindíveis se não nos soubermos mostrar como tal e conhecedores daquilo que é verdadeiramente a nossa arte: O Medicamento”

 

 

 

 

 

Nesta entrevista a Pharmacevtica procurou saber qual a visão do Prof. Doutor Bruno Sepodes sobre o futuro da Profissão Farmacêutica a nível nacional e internacional, foi ainda ouvida a opinião do Professor em relação ao novo Plano Curricular do Mestrado Integrado em Ciências Farmacêuticas da FFUL, onde uma das alterações foi a implementação de uma nova cadeira, Introdução às Ciências Farmacêuticas, da qual foi regente.

 

 

 

Professor Doutor Bruno Sepodes

ESCLEROSE MÚLTIPLA

“Estima-se que existam, pelo mundo, 2,5 milhões de pessoas afetadas e 8 mil em Portugal”

Sendo uma doença tão limitativa é importante saber a sua causa, como reagir e como esta progride. Têm sido inúmeros os avanços científicos que tornam o diagnóstico mais acessível e prévio, tanto em termos tecnológicos como em investigação, não sendo necessário ir para além da nossa Faculdade para encontrar o exemplo do trabalho na área executado pela equipa da Professora Doutora Adelaide Fernandes. Há também, em termos farmacológicos, algumas soluções que amenizam a doença. Há esperança.

INTRODUÇÃO ÀS

CIÊNCIAS

FARMACÊUTICAS

 

Entrou este ano em vigor na nossa faculdade o Plano curricular de 2019 para os alunos do MICF, inserindo-se uma nova UC lecionada no primeiro semestre do primeiro ano: Introdução às Ciências Farmacêuticas. Os alunos tiveram acesso a uma série de palestras nas quais intervieram diversos profissionais relacionados com as diferentes áreas de intervenção do Farmacêutico – Farmácia Comunitária, Farmácia Hospitalar, Distribuição Farmacêutica, Investigação e Análises Clínicas. A par destas temáticas, o programa da UC é igualmente pautado por uma elevada componente de soft skills, competências essenciais para o percurso académicos dos estudantes e absolutamente essenciais na formação de qualquer futuro profissional.

ENGENHARIA DE

TECIDOS 

A engenharia de tecidos é um ramo da medicina regenerativa, que estuda a substituição e regeneração de células, tecidos e órgãos, para restaurar as funções biológicas normais. Esta ciência tem sido extremamente útil para a área da Investigação em Ciências Farmacêuticas e na compreensão da cicatrização de feridas, através do desenvolvimento de substitutos adequados de pele humana, permitindo assim ser usada em diversas situações.

“Assim, a engenharia de tecidos é uma área promissora para o futuro, (…) tendo já um impacto significativo nos cuidados de saúde”.

SISTEMA CRISPR

O sistema CRISPR (clustered regularly interspaced short palindromic repeats) é um sistema imunitário identificado em bactérias e modificado para os humanos, percebendo se que através de caspases e nucleases estas conseguem cortar e destruir o DNA dos bacteriófagos. Esta técnica permite-nos assim modificar o nosso próprio DNA, sendo promissora na cura de todas as doenças com base genética. Uma vez que esta tecnologia está numa fase inicial, a comunidade científica deve agir com prudência, não procedendo à sua aplicação em humanos até ser verificada a sua segurança e quais os possíveis riscos a longo prazo.Para além disso, não podemos esquecer as consequências éticas inerentes a estas terapêuticas. Onde fica a linha entre a saúde e a estética? Estaremos perante um futuro em que podemos escolher a cor dos olhos, altura e estatura nos bebés?